Quais São os Malefícios do Cloro para a Pele e Cabelo?

Você não vai acreditar no que você vai ler aqui!

Publicado em e atualizado em: 12-06-2020 por Lory Aguiar

Descubra todos os malefícios do cloro para a pele e cabelo, antes de dar aquele mergulho na piscina, bem como preveni-los.

Os malefícios do cloro para a pele e cabelo são diversos e podem acabar efetivamente com a saúde de ambos. Confira tudo sobre o cloro e as principais condições negativas que podem trazer para a estética.

O que é o Cloro?

O Que É O Cloro

A partir de uma cor amarelo-esverdeado e composição gasosa, bem como o seu poder altíssimo de desinfecção, o cloro é um elemento usado para purificação da água de piscinas, com o intuito da proteção de infecções e demais patologias.

Contudo, ainda que exista essa proteção, é possível que traga reações adversas à pele e cabelos,visto que também apresenta a capacidade de remoção dos óleos naturais protetivos do couro cabeludo e, por isso, dos fios capilares e de toda a pele.

Principais Malefícios do Cloro para a Pele e Cabelo

Ainda que muita gente acredite que o cloro é o único responsável pelo ressecamento da pele e dos cabelos, de fato, é o efeito deste em companhia da água que causa os prejuízos mencionados.

Para a Pele

A partir da prática, a água é capaz da penetração nos elementos celulares de queratina, transformando-as em inchadas. Aí, então, pequenas buraquinhos são deixados na pele, tornando-a com maior vulnerabilidade à penetração do cloro que, por conseguinte, provoca irritações.

Malefícios Do Cloro Para A Pele E Cabelo

Para os Cabelos

Esta condição é a mesma nos cabelos. A água tem uma atuação de abertura das cutículas dos fios, de modo facilitar que o cloro penetre, tornando-os ressecados, propensos a prejuízos como a queda, opacidade e queda dos fios, bem como a caspa tão temida.

Ainda que existam perigos em relação a esta mistura, especialistas fazem o alerta de que só é possível prejudicar a derme e cabelos aquilo que deixamos em exposição por muito tempo. Isto quer dizer que os prejuízos só são sentidos por aqueles que ficam horas e horas embaixo da água, em questão.

Prejuízos causados pelo cloro

Prejuízos Causados Pelo Cloro

Existe uma vulnerabilidade do córtex, chamado de coração do cabelo, visto que este tem a proteção a partir da cutícula. Esta água e o cloro são capazes de fazer a penetração no córtex, provocando caspas e ressecamento.

Ainda, como os elementos proteicos também tiveram oxidação pelo mix, cortados em pedaços pequenos e quebrados, também há a possibilidade de fazer a observação de demais prejuízos aos cabelos depois do banho de piscina. São eles:

  • queda capilar;
  • fios quebradiços;
  • danificação dos fios;
  • fios sem vida;
  • córtex dividido, provocando pontas duplas;
  • ausência do brilho.

Já em relação à nossa pele, o mix da água com o cloro atua de modo a reduzir a microbiota adequada, em virtude do efeito bactericida. Por isso, ao ter banhos muito demorados em piscinas, é possível que se reduza a população destes microrganismos habitantes da pele, prejudicando a proteção e provocando coceiras, ressecamentos e irritação.

Isto ocorre em razão de que o cloro age como um tipo de solvente que faz a diluição do manto de lipídeos da pele, constituído por minerais e por óleos de caráter natural com potencialização gordurosa, que auxilia no mantimento de hidratação.

Dicas essenciais

Dicas Essenciais

Para a proteção dos fios, o essencial é que se faça uma hidratação a partir de substância que contenham silicone antes das férias. Isto porque o silicone é capaz de criar uma camada em volta dos fios que promovem a proteção celular da queratina que caracterizam-se pelo inchaço e fazem a abertura do espaço para que o cloro entre.

A fim, ainda, de amenizar os prejuízos que o cloro causa, o ideal é que se molhe os fios no chuveiro um instante antes de mergulhar na piscina. Contudo, não aplique nenhum tipo de creme ou substância nos fios.

Dessa forma, ao passo que entre na piscina, os fios já estarão saturados de água, de modo a impedir que o cloro e a água tenham o caráter nocivo.

Portanto, a maior recomendação é um tipo de rotina e hábitos diários de cuidados para o mantimento dos cabelos bem protegidos e com hidratação. Na sua casa, depois que fizer a lavagem dos cabelos, faça uso da aplicação do creme sem enxágue ou produto hidratante para antes do sol, a fim da prevenção do ressecamento.

Recuperação dos fios

Recuperação Dos Fios

Para tanto, o que mais se recomenda é a hidratação profunda, realizada em salão de beleza. De modo geral, utiliza-se o shampoo anti-resíduo para a remoção das impurezas do cloro dos fios.

A máscara hidratante, fonte de proteínas e de elementos vitamínicos, é capaz de devolver a nutrição aos fios, ganhando elasticidade e força.

Hidratação Capilar

Hidratação Capilar

Para que se mantenha a pele com saúde e liberta dos ressecamentos, não é preciso deixar de frequentar a piscina. É só manter o cuidado com as hidratações diárias. De acordo com os dermatologistas, só terá a capacidade de reposição das camadas de lipídios que foram prejudicados pelo efeito do produto.

Dessa forma, o essencial é fazer a escolha de hidratantes do corpo e do rosto específicos para a pele, e fazer a aplicação ao longo dos banhos.

O cuidado precisa ser parte dos hábitos diários, porém, nesse período, principalmente, é imprescindível para evitar danos. Outro ponto fundamental é fazer o investimento do filtro solar – indispensável ao longo do banho de piscina – com texturas cremosas e que sejam compostas por elementos hidratantes, para o auxílio da reposição da água que se perdeu pelo cloro.

Cuidado com a pele

Cuidado Com A Pele

É preciso fazer a hidratação, mas existem também outros hábitos a serem atentados para o seu dia-a-dia para a proteção com a pele depois do efeito do cloro. Conforme ela, a fim de que a cútis não permaneça sensibilizada pela substância, antes do seu banho de piscina, o ideal é que se evite intervenções que comprometam a película de proteção dos fios.

Portanto, evitar a aplicação de sabonete adstringente ou o enxágue com água em temperatura quente para que se evite a retirada das películas protetoras, que atuam amenizando as agressões causadas pelo cloro.

Se você gostou dessas dicas, não deixe de compartilhar e comentar a sua opinião, em seguida!

Compartilhe nas Redes Sociais! :)

Facebook Twitter Pinterest Whatsapp

Você leu Quais São os Malefícios do Cloro para a Pele e Cabelo?. O FemmeVerso estará aqui para te ajudar sempre que precisar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.